Câmara de vereadores será investigada pelo Ministério Público pelo pagamento de diárias

Por Delta | 02/11/2018 | Sem Comentários

A Promotora de Justiça de Simplício Mendes, Emmanuelle Martins Neiva Dantas Rodrigues Belo, instaurou inquérito civil público para apurar supostas irregularidades na concessão e pagamento de diárias pela Câmara Municipal do município a vereadores.

O Ministério Público vai fazer a consulta ao Portal do Conveniado no site do TCE-PI, verificar a o relatório final da DFAM e parecer do Ministério Público de Contas, relativo à prestação de contas da Câmara Municipal de Simplício Mendes – exercício 2017.

A denúncia foi encaminhada através do vereador Weliton José Leal Rodrigues (PDT), em maio deste ano, contra o empresário e vereador Ney Madeira Moura Fé Junior (PP).


Fonte: Portal Mandacaru

0 Comentários

Deixe o seu comentário!