Prefeito e secretário são investigados por irregularidades na previdência de servidores

Por Delta | 22/10/2018 | Sem Comentários

O Ministério Público do Piauí, por meio da Promotoria de Justiça de São João do Piauí, instaurou inquérito civil público com o objetivo de investigar a conduta do prefeito de Campo Alegre do Fidalgo, Israel da Mata, e o secretário de Administração.

Prefeito de Campo Alegre do Fidalgo, Israel da Mata
Prefeito de Campo Alegre do Fidalgo, Israel da Mata  

A apuração é referente ao recolhimento a menor de contribuições previdenciárias dos servidores públicos municipais, bem como da ausência de recolhimento de contribuições previdenciárias dos agentes políticos.

O MP levou em consideração o relato que as contribuições previdenciárias dos servidores públicos do Município de Campo Alegre do Fidalgo não correspondem a verdadeira remuneração percebida por estes.

Ainda que não constam recolhimento de contribuições de agentes políticos, entre eles, o prefeito, o vice-prefeito, Edmar Tiago Torres, o secretário municipal de Educação,  Antônio Mariano da Mata e o secretário municipal de Finanças, Israel Ribeiro da Mata.

180 GRAUS

0 Comentários

Deixe o seu comentário!